Encomendei uma mobicletazinha

Pois!... uma Mobiky das VERDADEIRAS! ...desdobrável.

Objectivo: levar no transporte colectivo até à Universidade (Alta de Coimbra) para depois das aulas deslizar até casa (na Baixa) com pouco esforço e rapidamente. 

Comentários

Luz dianteira com Led´s

...comprei uma com 5 led´s e que usa 4 pilhas AAA; custou 3 euros numa loja chinesa e vem com adaptador para fixar na bicicleta...Amanhã vou comprar outra para a bicicleta de montanha; a de hoje foi para a Mobiky.

A lâmpada é pequena e pouco mais espaço ocupa do que o das pilhas, e, além do mais, é muito leve.

Fixei a luz da frente

...a Basta com duas abraçadeiras 3/4 com parafuso de aperto(daquelas que servem para fixar as mangueiras a torneiras) e agora a luz já se aguenta bem sem cair!

Sugiro o que o Casaínho

Sugiro o que o Casaínho disse. Aliás, acho até que tenho a mesmíssima luz, mas na bicicleta grande. Na Mobiky tenho apenas uma luz LED que ponho a piscar, para aumentar a minha visibilidade. Ainda não comprei uma luz mesmo para iluminar o caminho, mas também ainda não senti necessidade porque só a uso em zonas urbanas, geralmente bem iluminadas. Mas a luz da Basta que vem de série, à frente, não é nada de jeito, dá pouco output e é muito pesada, caindo (embora, talvez se se acrescentar uma borracha isso resolva a cena de cair). A de trás é fixe e mantenho-a, mas a outra só a usei um par de vezes no início.

sobre a luz dianteira

Paulo, comprei na Decatlhon por cerca de 10 euros, uma luz dianteira para iluminação, com 3 LEDs brancos e leva 3 pilhas do tamanho AAA. É muito leve e vem com um suporte que é fixado apenas com uma borracha elástica, a qualquer guiador - é rápido de mudar o suporte. Depois a pequena lanterna pode ser colocada/retirada facilmente desse suporte - é mesmo muito prático todo o sistema, leve, gasta pouca energia e é robusto!

É o sistema que uso e estou muito contente com ele - para uma bicicleta pequena e bonita, só uma lanterna também pequena e bonita :-)

---
JPCasainho - www.Casainho.net

Agradeço

...as observações. Já decidi que vou levar a Mobiky para dentro da Faculdade: até já obtive autorização para a «estacionar» num lugar acessível e que não prejudica ninguém=debaixo dumas escadas em caracol. Agora andar com ela para as salas de aula é que não...pois seria muito esforço de hora a hora andar a subir escadas com ela.

Quanto ao guarda lamas vou inventar um acrescento (DIY).

Quanto à luz dianteira vou pôr duas abraçadeiras metálicas para segurar o suporte

(que doutro modo se solta com o peso da luz). 

Então mas, ó Paulo, tens

Então mas, ó Paulo, tens uma bicicleta dobrável toda compacta e que podes levar de um lado para o outro a rolar ao teu lado enquanto caminhas, e vais prendê-la a uma árvore?!?! Tongue out Estás a desperdiçar um investimento (e a pô-lo em risco de roubo e vandalismo ao deixá-lo na rua...).

Eu quando tive a minha já a escola estava praticamente terminada, mas sempre a levei comigo para dentro da faculdade (FCT-UNL e FC-UL), salas de aula, bibliotecas,... E o meu namorado fez a mesma com a dele. Geralmente ninguém levanta problemas. E quando levanta eu peço então (e outras vezes peço logo, por ser mais prático) para a guardarem algures: atrás do balcão da recepção, na despensa, etc. Agora deixá-la na rua é que, para mim, é impensável... Foi justamente para isso que a comprei, para a poder levar sempre comigo para qualquer lado sem ter que me preocupar com espaço e com estacionamento...

Quanto ao pára-lamas, já li e ouvi algumas pessoas a queixarem-se do mesmo. Frown Por acaso ainda não pude verificar isso "na pele" porque nunca calhou andar com ela à chuva, mas sei que o pára-lamas devia ser um pouquinho mais longo atrás. A solução será um "mudflap" DIY qualquer. É comum noutras marcas e feitios de bicicletas. Só não sei se há algum que se possa comprar e que sirva na Mobiky; a alternativa seria "inventar" um. Por acaso era um bom projecto... Smile

A sério, leva o saco de protecção, chegas lá mete-la dentro do saco, e pedes a alguém para a guardar algures (talvez usando um cadeado na mesma), se não te deixam levá-la a rolar.

Quanto aos travões, não sei quão acentuadas são as descidas a que te referes, mas certifica-te de duas coisas: 1) que ambos os travões estão bem afinados e está tudo a funcionar bem, e 2) que travas sempre com ambos os travões (quer em travagens de controlo de velocidade quer nas de paragem). O travão de trás é um travão de banda, um sistema menos eficiente e mais "delicado" que os de disco. Nunca uses só o de trás, ele pode ceder e o "stopping power" não é o mesmo. Numa bicicleta normal o travão de trás é usado principalmente para controlar a velocidade, enquanto que o da frente é o que realmente pára a bicicleta. Mas a Mobiky é uma cena diferente, também não podes usar só o da frente, se calhar ainda "capotavas". :-P Tem que se usar sempre os dois travões, mas o equilíbrio de forças entre os dois já é uma ciência empírica. ;-)

Ou seja, na tua faculdade

Ou seja, na tua faculdade não há estacionamento para bicicletas?

Importante então andar com uma bicicleta dessas e mostrar que é possível fazer transportes públicos + bicicleta. Mostrar também que uma tecnologia como essa existe Wink

Sobre os travões, tenho alguma curiosidade, os da frente são de disco e os de trás são de outra tecnologia diferente - igual à das BUGAS cá de Aveiro. Os de disco diria que têm obrigação de travar muito bem, já os de trás, não sei. O que diz o teu amigo João Paulo sobre a experiência com a dele? e a Ana Pereira?

---
JPCasainho - www.Casainho.net

1ªs reflexões

Já a utilizei algumas vezes no transporte público...e fiquei feliz por não haver objecções pelos condutores. A dificuldade maior surgiu*me com o «estacionamento» já que ao fim de 2 dias impediram*me de a acorrentar a uma árvore que há no pátio da faculdade! Agora tenho de a prender a um sinal de trânsito no exterior da faculdade. O que tem sido curioso são as manifestações de interesse de pessoas com quem me cruzo (no geral ou colegas da faculdade) que acham que é uma boa prática com vantagens várias (nomeadamente ecológica) e que apreciam o carácter «pequenino» da Mobiky. Para já, estou satisfeito, pese embora algum cuidado que descobri que é preciso ter em descidas de declive acentuado (os travões são pouco eficientes) e em dias de chuva (é preciso ir devagar...já que o guarda lamas traseiro é curto de mais e deixa molhar a roupa!).

Muito boa :-)

Ontem encontrei-me com o Paulo em Coimbra e trocámos de bicicletas, eu tive oportunidade de experimentar a Mobiky Genius 12'' e ele a minha bicicleta(sem nome).

Adorei a Mobiky!! - se mais tarde tiver necessidade de uma bicicleta mais pequena que a minha actual, especialmente para a transportar nos autocarros, não hesitarei em escolher essa Mobiky!! Actualmente não posso recomendar outra para essa situação Smile

Ao comparar a minha actual bicicleta e essa Mobiky, percebo perfeitamente o porquê da diferença de preços, a minha custou 250 euros e essa Mobiky custa 660 euros Smile

Para quem procura um intermédio entre essa Mobik e uma bicicleta montanha, tanto em preço como em tamanho, as bicicletas como a minha, dobráveis, de alumínio e com mudanças, de tamanho similar às BMX, são as que recomendo Smile

---
JPCasainho - www.Casainho.net

Opá!!

Smile

Tens de tirar umas fotos, pedir também que te tirem a ti em cima dela e partilhar aqui a tua opinião e experiências com ela. Seria interessante falares também do teu percurso com ela :-) - estou curioso para saber como é no autocarro, como as pessoas reagem....

---
JPCasainho - www.Casainho.net

...chegou! eheh

BOA!

Folgo em saber que andas por aí mais ecologicamente!...

quero ver :-)

Daqui a 3 fins-de-semana, vou aí a Coimbra a uma festa, vou levar a minha (que não é uma Mobiky) para te mostrar e espero ver, experimentar a tua!! Smile

Eu tenho me divertido imenso com a minha, esta semana foram todos os dias de comboio + bicla Smile

---
JPCasainho - www.Casainho.net