Automobilistas querem largar o carro - Relato e Apelo

Olá,

Já todos ouvimos falar e sentimos os efeitos dos aumentos dos
combustíveis. E eis que surgiu algo que vem "complicar" a situação.
Coloco complicar entre aspas, pois para mim não é um problema. Vejo
antes como uma oportunidade. Falo da paralisação dos camionistas o que
está a deixar os postos de abastecimento sem combustível.

Junto ao meu bairro, Moinho do Guizo, Amadora, existe um posto de
combustível onde já não existe gasóleo. Sei que noutras bombas, um
pouco por todo o país, está acontecer o mesmo.

Durante toda a manhã haviam filas de carros a tentar abastecer e
muitas pessoas desesperadas à procura de gasóleo, depois de tentarem
vários locais sem êxito.

Aproveitei esta oportunidade e fui distribuir folhetos sobre a
utilização da bicicleta na cidade. Coloquei a minha bicicleta junto ao
cruzamento do posto e afixei dois cartazes: "+ Barato" e "Combustíveis
0,00 €"

A reacção dos automobilistas foi muito boa. Vários disseram-me que vão
tirar a bicicleta da garagem. A maioria sorriu, num gesto de grande
simpatia e apoio. Entreguei folhetos a perto de uma centena de
automobilistas e motociclistas.

Deixo este relato como sugestão. Organizem-se em pequenos grupos.
Convidem um amigo. Também podem faze-lo sozinhos. Aproveitem esta
oportunidade única para sensibilizar outras pessoas. E se de repente,
várias centenas de pessoas, um pouco por todo o país, começassem a
fazer isto... Alguma coisa mudaria? Creio que sim. Por isso, espalhem
sementes.

Um abraço,
Hugo

*****
P.S. Alguém tem possibilidade de tirar fotocópias de borla? Acabei
todos os meus folhetos e gostava de poder distribuir mais nos próximos
dias.

Entrem em contacto comigo caso possam tirar algumas fotocópias.
919436029

Hugomora88@hotmail.com

Comentários

Também em Aveiro

Eu não vejo televisão e só hoje de manhã soube destas notícias pelos colegas de trabalho... no restaurante quando estava a almoçar, toda a gente comentava estas notícias... à vinda quando passei pelas bombas de gasolina (na zona industrial de Taboeira em Aveiro) já existiam grandes filas!! -- se logo ao final da tarde faltar o diesel no comboio, posso sempre fazer os 25km com a minha bicicleta ;-) :-)

---
JPCasainho - www.Casainho.net