o blogue de Casainho

Festival Andanças 2009 -- 25% de desconto para quem for de transportes públicos

O Andanças é um festival de danças e músicas de inspiração tradicionais que acontece em Agosto, durante pelo menos 7 dias, na aldeia de Carvalhais no concelho de São Pedro do Sul.

O Andanças tem tido uma forte componente ecológica e pela primeira vez oferece um desconto de 25% do preço do bilhete para  pessoas que comprovem a sua ida ao Festival em transportes públicos, através de bilhete.

Estiquei muito bem o meu dedo

Hoje quando vinha do trabalho por volta das 19h20, a circular no meio da minha faixa, fui intimidado por um carro que ao longe começou logo a apitar e passou-me uma razia, a uma velocidade elevada. Há uns meses fui albarroado por um carro exactamente no mesmo local.

Tive receio, fui obrigado a travar e arredar-me o que pude - felizmente que circulava no meio da minha faixa e pude salvaguardar-me arredando-me o mais que pude para a direita. Não consegui deixar de demonstrar o meu descontentamento e estiquei bem o meu dedo médio.

E não é que logo à frente estavam as cancelas da passagem de nível em baixo, com uma fila de carros? Continuei calmamente e não deixei de seguir o carro com os meus olhos.

Aproximei-me lentamente e fixei sempre o condutor olhando para o espelho lateral do carro, até que quando finalmente cheguei ao seu lado e parei, encontrei uma mulher com óculos de sol colocados e a olhar fixamente para a frente, como se estivesse a querer ignorar-me. Olhei para ela calmamente e estiquei muito bem o meu dedo médio, mantive-o esticado durante 30 segundos.

À frente como passageiro estava um homem que deveria ser o seu namorado ou irmão. Nenhum deles disse nada.

É difícil confrontar as outras pessoas frente-a-frente e olhos nos olhos, ao contrário, é muito fácil estar dentro de um carro e apitar, fazer razias, etc. Os condutores dos automóveis esquecem-se que por vezes podem ficar presos dentro dos seus carros, numa fila de trânsito à espera do verde de um semáforo, à entrada de uma rotunda, etc, e nessas situações é muito fácil para um ciclista alcançá-los.

Assim foi o bikepaper pelo património de Aveiro, organizado pela ADERAV - 07.06.2009

Podem ler mais sobre o evento aqui.

Eu adorei o evento, foi mesmo muito bom andar pelas ruas da cidade e descobrir fachadas lindíssimas, etc. Para mim Aveiro é agora mais bonito, e só mesmo de bicicleta ou a pé se conseguem apreciar locais bonitos como os mostrados nas fotografias em baixo.

Algumas fotos que registei:

net_01.jpg
Casa Major Pessoa - Novo Museu Arte Nova de Aveiro
net_02.jpg
Pormenor de motivos florais em ferro forjado e painéis de azulejo de Licínio Pinto
net_03.jpg

Fazer Massa Crítica à ida/vinda de bicicleta para o trabalho

Recentemente um senhor deu-me a ideia de fazermos Massa Crítica quando vamos para o trabalho, no percurso entre o centro da cidade de Aveiro e a zona industrial da Taboeira.
A ideia será irmos em grupo para ficarmos mais visíveis para os carros e marcar uma presença mais forte, para nos protegermos. Será uma ideia semelhante à das pessoas que fazem caminhadas à noite - geralmente costumo ver grupos de senhoras.

Nos últimos dias tive uns furos na bicicleta e tive de a transportar à mão para o trabalho, apercebi-me que existem agora muitas pessoas a irem de bicicleta para o trabalho, a fazerem o mesmo percurso que eu :-)

Vou deixar de ultrapassar os outros ciclistas como costumo fazer habitualmente, vou antes juntar-me a eles, seguindo-os de perto, para formar um grupo, a Massa Crítica :-)

Ontem pela primeira vez, não ultrapassei uma bicicleta que entretanto apanhei à minha frente. Era uma senhora, e deve ter sentido mais segurança durante o percurso, ao ver os carros a passarem por ela com uma maior distância, é que eu ía a trás no meio da nossa faixa e os carros tiveram de passar para a outra faixa para nos ultrapassar :-)

Sobre Bicycle Film Festival em Lisboa e o VeloCine em algumas cidades do país

Ontem em Aveiro, alguns dos participantes da MC, estiveram à conversa com o Sandro, um dos organizadores do 1º Bicycle Film Festival que irá acontecer em Portugal, no próximo mês de Setembro.

O Sandro falou-nos sobre o BFF que irá acontecer em Lisboa e também sobre o VeloCine, ele pretende que aconteça em várias cidades incluindo Aveiro. O VeloCine será um festival itenerante sobre a cultura da bicicleta, onde passarão vídeos, exposições de arte e música, a acontecer em Outubro/Novembro.

A ideia será envolver toda a comunidade de Aveiro, e espera-se ter como parceiros a Câmara Municipal, Universidade de Aveiro, o Cine Clube de Aveiro, o comércio e indústria de bicicletas, etc.

Entretanto, aqui ficam dois trailers de exemplos a passar  Velo Cine:

NOTA: O Sandro disse-me que o BFF terá uma AlleyCate Race e que já em Junho irão organizar uma mais pequena como teste :-)

Hope

Espero que o futuro seja melhor para a bicicleta, que esse senhor traga melhores políticas ambientais.

Na foto vê-se um ciclista a bloquear a roda de trás da sua bicicleta fixie de modo a conseguir travar. É normal o pessoal colocar nas rodas imagens de que gostam.

Fotos de uma Alleycat race

An Alleycat race is an informal bicycle race. Alleycats almost always take place in cities, and are often organized by bicycle messengers. The informality of the organization is matched by the emphasis on taking part, rather than simple competition. --> ler mais na wikipedia.

Encontrei uma galeria de imagens no Flickr de que parece ser uma Alleycat race.

A partida

Um checkpoint

Uma curva

Bicicletas fantasmas e fixies em Nova Iorque

O Tiago participou num passeio guiado de bicicleta em Nova Iorque. Trouxe umas fotos e histórias engraçadas.

Bicicletas fantasma


A ghost bike or ghostcycle is a bicycle set up in a place where a cyclist has been hurt or killed. The bike is intended to be both a memorial and a reminder to passing motorists to share the road. (Wikipedia).

Bicicletas fixies

O Tiago viu muitas bicicletas fixes, incluse o guia usava uma.

Girls On Bicycles

Encontrei um blogue com montes de fotos sobre mulheres a andarem de bicicleta :-)  (isto é só para quem gosta ;-) )


E encontrei também outro de mulheres que andam com fixies (as bicicletas que ando a admirar):

Talvez daqui a 1 ano a moda das fixies e das mulheres andarem de bicicleta chegue a Portugal... pena não ser já esta Primavera e Verão.

MASH -- vídeo sobre a cultura das bicicletas fixies

Fiz download do vídeo completo por torrents. Posso gravar a quem precisar.

No site oficial podem ter mais informações.

Conteúdo sindicado